Responsive Ad Slot

Últimas

Últimas

João Pessoa e Campina Grande aderem ao programa 'Internet para Todos', que deve oferecer banda larga a preços baixos

segunda-feira, 12 de março de 2018

/ por News Paraíba

As cidades de João Pessoa e Campina Grande aderiram, nesta segunda-feira (12), ao programa nacional ‘Internet para todos’, que pretende levar internet banda larga para localidades sem conectividade. O termo de adesão define a infraestrutura básica e as condições para a participação de cada município e as prefeituras indicarão os locais a receberem antenas para a distribuição do sinal de internet; as primeiras antenas serão instaladas em maio e a expectativa é que sejam instaladas até 200 por dia em todo o país.

Através do programa, a Prefeitura de João Pessoa informou que poderá levar banda larga para escolas, hospitais e localidades sem conectividade a partir do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDV). O equipamento, que será responsável por prover a conexão, especialmente em regiões mais remotas, será lançado ao espaço em 4 de maio e terá capacidade de cobrir todo o território nacional, dobrando a capacidade de oferta da internet banda larga pelas operadoras. Ele é o primeiro satélite geoestacionário brasileiro de uso civil e militar, com investimentos de R$ 2,7 bilhões.
 
Segundo o Jornal da Paraíba, a adesão de João Pessoa ao projeto foi feita pelo prefeito Luciano Cartaxo, que assinou o termo em Brasília. “Este programa é uma grande porta para a inclusão digital. Apesar de tantos avanços tecnológicos, o acesso à internet para muitas pessoas ainda é difícil. Além do acesso à internet, através deste programa também poderemos oferecer melhores serviços à população”, afirmou o prefeito.

Nos próximos dias, Luciano Cartaxo deverá encaminhar um Projeto de Lei à Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) para isentar da cobrança do Imposto Sobre Serviços (ISS) de todas as atividades ligadas à iniciativa. O município poderá indicar mais de uma localidade para receber a banda larga e sugerir pontos que não estejam na lista a ser divulgada pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, Inovações e Comunicações, que gere o projeto a nível nacional.

Segundo informou a prefeitura, o Internet para Todos não oferecerá gratuitamente a conexão, mas a preços reduzidos, pois muitas vezes a empresa tem um ônus para a prestação do serviço. Com isso, a empresa credenciada, por ter garantias e isenções, pode oferecer serviço com um preço menor.

Campina Grande

O termo de adesão de Campina Grande foi assinado pelo prefeito Romero Rodrigues. Segundo a prefeitura,  quinze comunidades de Campina Grande passarão a contar com serviços de internet banda larga a partir do mês de maio. “Por sua própria vocação, Campina Grande não poderia ficar de fora de um programa que tem como objetivo a inclusão digital de comunidades inteiras”, destacou Romero Rodrigues.

As comunidades beneficiadas serão Três Irmãs, Ligeiro, Galante, Catolé de Boa Vista, Complexo Aluízio Campos, São José da Mata, Catolé de Zé Ferreira, Distrito de Santa Terezinha, Vila Cabral de Santa Terezinha, Velame, Mutirão, Sítio Lucas, Sítio Estreito, Cuités e Sítio Capim Grande.
Não deixe de ler
© Todos os direitos reservados.