Responsive Ad Slot

Últimas

Últimas

MAIS UM ABSURDO: Como Leto Viana pode se eleger deputado e tornar a esposa prefeita de Cabedelo – Por Leandro Borba

segunda-feira, 12 de março de 2018

/ por News Paraíba


Não é de hoje que a população de Cabedelo precisa conviver com os mandos e desmandos do prefeito Leto Viana (PRP) desde que assumiu o comando da cidade após um controverso pedido de renúncia do então prefeito eleito, Luceninha, em 2013.

Desde a chegada para tomar posse no luxuoso carro de um dos empresários mais ricos do Estado, até a denúncia de compra de vereadores para tentar impedir a liberação de construção de um shopping na cidade, Leto acumula polêmicas e não faz questão de esconder de ninguém os seus atos.

Na última semana eu tenho acompanhado perplexo as denúncias de supersalários envolvendo toda a família. Segundo o portal Polêmica Paraíba, além do prefeito, a sua esposa e vereadora, Jaqueline Medeiros e o filho do casal, Felipe Montenegro, recebem juntos cerca de R$ 50 mil em vencimentos pagos com dinheiro público.

Mas não se engane achando que Leto se intimidou com a enxurrada de críticas recebidas de todos os setores da sociedade, poucos dias depois o prefeito simplesmente realizou uma manobra e antecipou as eleições da mesa diretora da Câmara de Cabedelo, elegendo assim a sua esposa como a próxima presidente da  Casa.

Mas o que estaria por trás de tudo isso? O simples desejo de externar poder e força política?

A verdade é que de acordo com pessoas próximas ao prefeito, o plano é ampliar os limites de atuação e se candidatar à Câmara Federal ou Assembleia Legislativa nas eleições de outubro e, após “convencer” o vice-prefeito a renunciar o cargo (lembram de Luceninha?), a sua esposa assumiria a Prefeitura por ser a presidente do poder legislativo municipal.

Um plano engenhoso e que mostra total falta de respeito e consideração com os quase setenta mil cabedelenses que, apesar da reeleição do atual prefeito, vem pedindo socorro com a falta de retorno de um dos impostos mais caros em um municípios com maior  arrecadação de todo o Estado.
Leia Também:   Nome de prefeito aparece em lista de concurso para recepcionista da própria prefeitura, na PB

É triste ver que Cabedelo, um paraíso onde tive a honra de crescer, está nas mãos de pessoas que buscam apenas proveitos próprios e esquecem as necessidades e interesses  das pessoas que sonham com um futuro melhor.

Não é de hoje que a população de Cabedelo precisa conviver com os mandos e desmandos do prefeito Leto Viana (PRP) desde que assumiu o comando da cidade após um controverso pedido de renúncia do então prefeito eleito, Luceninha, em 2013.

Desde a chegada para tomar posse no luxuoso carro de um dos empresários mais ricos do Estado, até a denúncia de compra de vereadores para tentar impedir a liberação de construção de um shopping na cidade, Leto acumula polêmicas e não faz questão de esconder de ninguém os seus atos.

Na última semana eu tenho acompanhado perplexo as denúncias de supersalários envolvendo toda a família. Além do prefeito, a sua esposa e vereadora, Jaqueline Medeiros e o filho do casal, Felipe Montenegro, recebem juntos cerca de R$ 50 mil em vencimentos pagos com dinheiro público.

Mas não se engane achando que Leto se intimidou com a enxurrada de críticas recebidas de todos os setores da sociedade, poucos dias depois o prefeito simplesmente realizou uma manobra e antecipou as eleições da mesa diretora da Câmara de Cabedelo, elegendo assim a sua esposa como a próxima presidente da  Casa.

Mas o que estaria por trás de tudo isso? O simples desejo de externar poder e força política?

A verdade é que de acordo com pessoas próximas ao prefeito, o plano é ampliar os limites de atuação e se candidatar à Câmara Federal ou Assembleia Legislativa nas eleições de outubro e, após “convencer” o vice-prefeito a renunciar o cargo (lembram de Luceninha?), a sua esposa assumiria a Prefeitura por ser a presidente do poder legislativo municipal.

Um plano engenhoso e que mostra total falta de respeito e consideração com os quase setenta mil cabedelenses que, apesar da reeleição do atual prefeito, vem pedindo socorro com a falta de retorno de um dos impostos mais caros em um municípios com maior  arrecadação de todo o Estado.
Leia Também:   Nome de prefeito aparece em lista de concurso para recepcionista da própria prefeitura, na PB

É triste ver que Cabedelo, um paraíso onde tive a honra de crescer, está nas mãos de pessoas que buscam apenas proveitos próprios e esquecem as necessidades e interesses  das pessoas que sonham com um futuro melhor.
Não deixe de ler
© Todos os direitos reservados.