Responsive Ad Slot

Últimas

Últimas

Campanha de Vacinação contra a Gripe segue até dia 22 e crianças são as que menos se imunizaram

segunda-feira, 18 de junho de 2018

/ por News Paraíba

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe foi prorrogada e segue até a próxima sexta-feira (22) em João Pessoa. Até o momento, foram aplicadas aproximadamente 140 mil doses da vacina no município, o que representa 71% do total de 196 mil pessoas que fazem parte dos grupos considerados prioritários pelo Ministério da Saúde.  A meta da campanha é vacinar 176 mil pessoas (90% da população de risco).

Entre todos os grupos prioritários, as crianças na faixa etária de seis meses até menores de cinco anos são as que menos tomaram a vacina na Capital. Dados da Vigilância Epidemiológica do município mostram que, até agora, 19.965 crianças se vacinaram, o que representa apenas 41% do total de 48.455 crianças que precisam ser imunizadas em João Pessoa.

Diante dos números apresentados, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) convoca os pais e responsáveis a levarem seus filhos até os postos de imunização. A vacina protege contra os três subtipos do vírus da gripe determinados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para este ano (Influenza A/H1N1; Influenza A/H3N2 e Influenza B).

Fernando Virgolino, enfermeiro e coordenador de Imunização da SMS, explica a importância da vacina para as crianças nessa faixa etária. “O objetivo é evitar a manifestação da doença e suas complicações, sendo a melhor forma de prevenir e evitar também casos de internação e até mesmo de mortalidade ocasionados pelo vírus da Influenza”.

De acordo com o Ministério da Saúde, estudos demonstram que a imunização pode reduzir entre 32% e 45% o número de internações hospitalares por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por outras complicações da Influenza.

Para ter acesso à vacina, os responsáveis podem levar as crianças até a Unidade de Saúde da Família (USF) mais próxima de sua casa. As unidades funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 12h às 16h.

A pedagoga Carla Santos levou sua filha Beatriz, de um ano de idade, para tomar a vacina ainda no início da campanha. “Apesar de que algumas mães têm receio das reações da vacina, eu acho muito importante prevenir a minha filha de qualquer doença, inclusive da gripe. Então na primeira oportunidade que tive já a levei para o posto de vacinação”, comentou.

Outros grupos prioritários - Além das crianças na faixa etária de seis meses até menores de cinco anos, compõem os grupos prioritários: idosos a partir de 60 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, povos indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e integrantes do sistema prisional. Para ser vacinado, é preciso comprovar que está inserido em algum destes grupos.

De um total de 8.780 gestantes, pouco mais de 5.300 (60%) se vacinaram contra a gripe. Já entre os idosos, a procura pela vacina têm sido maior. Até agora, mais 59.300 idosos já tomaram a vacina, ou seja, 77,5% das 76.591 pessoas com mais de 60 anos de idade.

Casos – Segundo a Vigilância Epidemiológica do Município, este ano já foram notificados 326 casos de síndromes gripais em João Pessoa. Destes, 15 casos foram confirmados como Influenza A e um caso confirmado como infecção pelo metapneumovírus humano, que causa infecções das vias respiratórias superiores.
Não deixe de ler
© Todos os direitos reservados.