Responsive Ad Slot

Últimas

Últimas

Raimundo Lira desiste de candidatura ao Senado

segunda-feira, 18 de junho de 2018

/ por News Paraíba
Parlamentar admitiu dificuldades para manter pré-candidatura.

O senador Raimundo Lira (PSD) confirmou nesta segunda-feira (18) que não vai mais concorrer à reeleição ao Senado Federal, nas eleições deste ano. Em carta direcionada aos eleitores da Paraíba, o parlamentar admitiu dificuldades para enfrentar o pleito e justificou a saída da disputa política. “Informo às Paraibanas e Paraibanos que, de forma definitiva, estou abrindo mão da minha atual condição de pré-candidato ao Senado Federal”, declarou.

De acordo com o Jornal da Paraíba, Raimundo Lira colocou na conta para a desistência à pré-candidatura o falecimento do presidente estadual do PSD, deputado federal Rômulo Gouveia, em maio deste ano, o que teria aumentado ainda mais a dificuldade para capitanear a sua campanha. A ex-deputada Eva Gouveia (PSD), que assumiu a presidência estadual do partido e havia anunciado sua pré-candidatura à Câmara Federal, acabou também desistindo da disputa por dificuldade de manter as bases eleitorais deixadas pelo esposo.

Em nota, Eva Gouveia afirmou que recebeu com muita tristeza a desistência do Senador Raimundo Lira em disputar as eleições deste ano. “O nome do Senador Lira reúne a experiência, a ética e uma visão empreendedora e municipalista que muito tem contribuído com as necessidades mais emergentes da nossa Paraíba. A chegada do Senador Lira ao PSD nos encheu de alegria”, disse, apesar de respeitar e entender a sua decisão.

Eva Gouveia agradeceu, ainda, “os reiterados gestos de apoio e solidariedade recebidas do Senador e de sua família, na partida de Rômulo, em nossa chegada à Presidência do partido e em nosso afastamento temporário na disputa das eleições” e disse que o  PSD deverá se reunir, com a presença do Senador Lira, do Deputado Manoel Ludgério, de nossos Prefeitos, Vice Prefeitos, Vereadores e Lideranças Políticas para avaliar a posição do partido após a decisão do Senador.
Pedido familiar

O senador Raimundo Lira também revelou que a desistência da pré-candidatura seria um desejo da família. “Uma profunda reflexão a respeito dos constantes e continuados apelos da minha família, sempre no sentido de abandonar a atividade política, atualmente objeto de grande desgaste junto à opinião pública na Paraíba e igualmente no Brasil. Pesou, sobretudo, a vontade contida da minha querida companheira e esposa Gitana”, afirmou.

Há vários dias, os aliados do parlamentar já vislumbravam a possibilidade de o senador deixar a disputa. Os sinais de que isso ocorreria vieram do arrefecimento da campanha.
Fortes concorrentes

Além do desgaste público, Lira, que ascendeu a qualidade de senador quando Vital do Rego deixou o cargo para assumir como ministro do Tribunal de Contas da União, deveria encontra muita dificuldades no pleito de 2018. Além do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que também pretende disputar à reeleição, Lira teria que se confrontar com outras pré-candidaturas de peso, como a do vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Junior (PSC).

Ex-colega de MDB, Manoel Junior deve assegurar o apoio do ex-governador José Lacerda Neto (PSD) e da vereadora Raíssa Lacerda (PSD), ambos do partido de Lira. Os dois correligionários foram liberados por Eva Gouveia para se aliar com o senador José Maranhão (MDB), que vai disputar ao governo do estado.

Além destes dois pré-candidatos ao Senado da mesma base da oposição ao governo, estão no páreo por uma vaga no Senado o deputado federal Veneziano Vital do Rego (PSB) e a deputada Daniella Ribeiro (PP).

Confira a carta:

DECLARAÇÃO ÀS PARAIBANAS E PARAIBANOS

CONSIDERAÇÕES:
         O prematuro e surpreendente falecimento do meu querido amigo, o Deputado Rômulo Gouveia, cuja vida foi inteiramente dedicada à atividade política, sempre servindo às pessoas, a Campina Grande e ao nosso Estado, me fez parar neste momento de dor e sofrimento, e entender que deveria fazer uma reflexão. Uma profunda reflexão a respeito dos constantes e continuados apelos da minha família, sempre no sentido de abandonar a atividade política, atualmente objeto de grande desgaste junto à opinião pública na Paraíba e igualmente no Brasil. Pesou, sobretudo, a vontade contida da minha querida companheira e esposa Gitana.

DECISÃO:
         Informo às Paraibanas e Paraibanos que, de forma definitiva, estou abrindo mão da minha atual condição de pré-candidato ao Senado Federal.

AGRADECIMENTOS:
         Agradeço, com o mais sincero sentimento do meu coração, à minha Mulher, Filhos e Familiares, a todas as Paraibanas e aos Paraibanos que manifestaram apoio ao meu trabalho como Congressista, a todos os Agentes Políticos, especialmente aos mais de cem Prefeitos e Prefeitas que me prestaram apoio, aos meus amigos Deputados, que comigo conviveram e desbravaram os caminhos árduos da labuta política, à Imprensa Paraibana, predominante profissional e honesta, e, por fim, aos meus colaboradores e assessores, dedicados, esforçados e corretos.

Brasília, 18 de junho de 2018.
Não deixe de ler
© Todos os direitos reservados.