Responsive Ad Slot

Últimas

Últimas

SBC poderá auxiliar TSE na verificação de códigos-fonte da urna eletrônica

quinta-feira, 14 de junho de 2018

/ por News Paraíba

Parceria do tribunal com a Sociedade Brasileira de Computação visa aprimorar o sistema eleitoral

Com a proximidade das eleições, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) poderá contar com o apoio da Sociedade Brasileira de Computação (SBC) na fase de verificação dos códigos-fonte da urna eletrônica.

A etapa de verificação dos códigos foi aberta no dia 6 de abril, 180 dias antes da eleição, para que representações da sociedade possam conhecer de perto os programas utilizados na urna. O acesso aos programas estará disponível ao longo de todo o processo eleitoral, desde a fase da eleição até a apuração e totalização dos votos.

Representantes de partidos políticos, do Ministério Público, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Supremo Tribunal Federal (STF), do Congresso Nacional, da Controladoria-Geral da União (CGU), da Polícia Federal, do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Crea) e de departamentos de Tecnologia da Informação de universidades podem participar da inspeção.

No início desta semana, o secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, recebeu o presidente da SBC, Lisandro Granville, para discutir de que modo os pesquisadores da entidade poderão contribuir com a fase de verificação.

De acordo com o secretário, a ideia é aproveitar a parceria já firmada entre as duas instituições por meio de um acordo de cooperação já assinado em agosto de 2017. O compromisso firmado tem duração de 60 meses.

Embora o acordo não tenha previsto, inicialmente, nenhum plano de trabalho, Giuseppe avalia ser importante aproveitar a oportunidade em que a legislação obriga o TSE a disponibilizar os códigos-fonte que serão utilizados nas eleições 2018. Ele lembrou que a SBC teve atuação destacada durante os Testes Públicos de Segurança realizados pelo tribunal em 2017. Todas as necessidades de ajustes e sugestões da SBC foram acatadas e implementadas pela Corte Eleitoral.

Já o presidente da SBC mostrou interesse em ampliar a parceria, destacando a necessidade de tornar a verificação dos códigos-fonte viável e atrativa. Segundo ele, isso faria com que pesquisadores contribuíssem de modo mais efetivo, inclusive a partir da publicação de resultados e da certeza de que suas contribuições seriam aproveitadas.

Na ocasião da assinatura do acordo, no ano passado, Lisandro Granville afirmou que a parceria entre TSE e SBC é uma “oportunidade” e também uma “obrigação” da instituição, como sociedade científica, de contribuir com o processo eleitoral, algo que é de interesse de todos os cidadãos brasileiros.

A SBC é uma sociedade científica sem fins lucrativos com 38 anos de atuação. A instituição reúne estudantes, professores, profissionais, pesquisadores e entusiastas da área de Computação e Informática de todo o país.
Não deixe de ler
© Todos os direitos reservados.