Responsive Ad Slot

Últimas

Últimas

Número de ataques a bancos e agências dos correios já ultrapassa 150 casos

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

/ por News Paraíba

Considerando as ações criminosas contra agências bancárias e dos Correios, a soma já se aproxima de 150 ataques, este ano, na Paraíba. Nos últimos dias, os Correios estiveram na mira preferencial do ‘novo cangaço’, com cinco ataques em apenas seis dias. Nesse mesmo período, três bancos foram atacados. Conforme o Sindicato dos Bancários da Paraíba, de janeiro até essa quarta-feira (1º) foram 42 ataques registrados.

Já o Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos na Paraíba (Sintect-PB) informou que o Estado fechou o primeiro semestre de 2018 com mais de 100 ocorrências registradas.

O ataque mais recente aconteceu nessa quarta-feira (1º), em Sapé, no Brejo paraibano. Por volta das 10h30, com a agência bastante movimentada, dois homens chegaram em uma moto, renderam os vigilantes e roubaram apenas a arma de um dos seguranças. Após tomar o revólver, a dupla fugiu. Nenhum cliente foi atacado. Essa é uma das mais atacadas do Estado.
De acordo com o Correio da Paraíba, o presidente do Sindicato dos Bancários, Marcelo de Lima Alves, responsabilizou os bancos pela insegurança. “Os bancos precisam investir em monitoramento em tempo real e equipamentos que mancham e destroem cédulas nos casos de violação dos caixas”, disse.

Correios e Febraban

A reportagem tentou ouvir a direção regional dos Correios, na Paraíba, nas os telefonemas não foram atendidos. Também procurada pela reportagem, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informou que o setor investe cerca de R$ 9 bilhões em segurança bancária todos os anos, o que significa o triplo do que era investido dez anos atrás. Disse também que os bancos vêm reforçando a estrutura de segurança com a instalação de equipamentos como cofres com dispositivo de tempo, circuitos fechados de televisão, sistemas de detecção e de monitoramento.
Não deixe de ler
© Todos os direitos reservados.